Normas para Autores

psicot2

 

 

 

Todos os artigos propostos para publicação na Revista devem ser enviados ao Conselho de Redacção. Os artigos são submetidos à avaliação da Comissão de Leitura, composta por 2 membros. A apreciação dos elementos da Comissão é depois enviada ao autor, sendo da sua responsabilidade a decisão de publicação ou de retirada do artigo, dentro dos prazos estabelecidos para o efeito.

Os textos devem ser impressos em páginas A-4, a espaço e meio, norma igualmente válida para as notas e bibliografia. Os textos devem ser escritos com letra de corpo 12, processados em Word for Windows e acompanhados de CD (ou enviados por e-mail em ficheiro Word).

O limite máximo de dimensão dos artigos é de 60.000 caracteres ou 30 páginas, incluindo notas, referências bibliográficas, quadros, gráficos e figuras. Cada artigo deve ser acompanhado de um resumo com um máximo de 650 caracteres ou 10 linhas, traduzido em inglês. A seguir ao resumo, em português e em inglês, devem acrescentar-se entre 3 a 5 palavras-chave.

Caso o autor deseje pode enviar também o artigo traduzido em outra língua; os artigos enviados por autores estrangeiros serão apresentados na sua língua original, assim como em português.

Sugere-se a utilização de, no máximo, dois níveis de titulação: sem numeração ou com numeração árabe.

As transcrições directas devem seguir as normas da APA (American Psychological Association).

Os vocábulos estrangeiros devem ser escritos em itálico.

Os elementos não textuais devem ser organizados em quadros, gráficos e figuras e identificados com numeração árabe contínua para cada um destes tipos de elementos, além da legenda (enviados em ficheiro à parte).

As chamadas de nota devem ser utilizadas com números, sem parênteses, sendo a numeração contínua do princípio ao fim do artigo, as quais devem ser agrupadas no fim do mesmo (notas de fim).

As referências bibliográficas das obras citadas devem obedecer às seguintes orientações (baseadas nas normas da A.P.A.):

a. Livro: Apelido, inicial do nome próprio (ano), Título do Livro em itálico (eventual referência da edição, caso existam várias). Cidade: Editor

b. Artigo em publicação periódica: Apelido, inicial do nome próprio (ano). Título do Artigo. Nome da publicação em itálico, Volume, (número), página de início-página de fim.
Ex.:

Gordon, T. (1998). Contra a disciplina na escola ou em casa. A Pessoa Como Centro, 2, 16-27.
Froming, W.J., Walker, G.R., & Lopian, K.J. (1982). Public and private self-awareness: When personal attitudes conflict with societal expectations. Journal of Experimental Social Psychology, 18 (3), 476-487.
c. Textos em colectâneas: Apelido, inicial do nome próprio (ano). Título do texto. In inicial do nome próprio e Apelido (org.)/(ed.). Título da obra (eventual referência da edição, caso exista mais de uma (pp. página de início e de fim). Cidade: Editor.
Ex.:

Garcia Marques, L. (1996). Influência social. In J. Vala, & M. B. Monteiro (Coords.). Psicologia Social (2ª ed.) (pp. 201-257). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.

d. Obras traduzidas: Apelido, inicial do nome próprio (ano). Título do livro em itálico. (eventual referência da edição, caso exista mais de uma) (iniciais e apelido do tradutor, Trad.). Cidade: Editor. (obra original publicada em ano).

Ex.:

Ghiglione, R., & Matalon, B. (1995). O inquérito. Teoria e prática. (2ª Ed.). (C. L. Pires, Trad.). Oeiras: Celta Editora Lda. (Obra original publicada em 1985)

Para as situações não referidas acima, os autores devem consultar as normas da A.P.A. em vigor.
As referências bibliográficas no corpo do texto devem estar em consonância com as referências bibliográficas no fim do artigo.
Todos os originais entregues ao Conselho de Redacção devem:

a. Constituir a versão final do texto, pronta a publicar, revista de eventuais gralhas e erros ortográficos;

b. Quando houver lugar a materiais gráficos ou icónicos, fazer-se acompanhar dos respectivos originais, com a indicação dos locais a inserir;

c. Vir acompanhados de uma breve apresentação do autor e de foto;

d. Vir acompanhados de elementos de contacto (morada, telefone e e-mail).

 

apastyle

 

 

psicot2

back to top

Voltar à página Revista Científica